COMO ARRENDAR TERRA PARA PLANTAR MOGNO AFRICANO

O arrendamento rural ou arrendamento de terras é uma das alternativas viáveis para a produção tanto agrícola, pecuária como para a produção florestal. É um contrato agrário onde o dono da propriedade rural, aluga as terras para uma pessoa/empresa que queria plantar por tempo determinado ou não, mediante certa retribuição ou aluguel, observados os limites percentuais da Lei.

A prática de arrendamento rural  é regulamentada pela Lei 4.504/64, sendo muito conhecida como Estatuto da Terra. Visto que essa lei fixa os direitos e deveres do arrendador e do arrendatário. Por meio de um contrato bem estruturado, o acordo entre as partes é estabelecido o uso integral ou parcial da área arrendada.

A carência por madeiras nobres tanto no mercado interno como no mercado externo vem crescendo exponencialmente, com isso, o aumento de investidores também. Dessa forma, o arrendamento de áreas rurais para fins madeireiros, veio em um ótimo momento para os investidores que não possui terras, não possuiu tempo de manejar essas áreas, aplicar seu capital em um mercado que possuiu alta rentabilidade.

Nós da Selva Florestal estamos lançando o projeto piloto de arrendamento de terras para plantios de Mogno Africano de 50 há, onde iremos manejar as florestas durante todo o seu ciclo de forma que a mesma supere as expectativas em produtividade para que sejam florestas de referências.

Sobre o autor | Website

Engenheiro Florestal graduado pela Universidade Federal do Tocantins, com ênfase em silvicultura e nutrição de plantas.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

4 Comentários

  1. Joao disse:

    Tem uma área de 13 alqueires em Limeira SP será que tem alguém que interessa para plantio de madeira