INCÊNDIOS FLORESTAIS

Quase todos os incêndios florestais são provenientes de causas humanas, a sua ocorrência dentre muitas vezes podem ser potencializadas ou não pelo clima, visto que, a interpretação das variáveis climáticas influenciam o controle e a prevenção de possíveis fatalidades ocasionadas pelo fogo.

Para uma melhor eficiência nas operações de combates a incêndios florestais existem etapas envolvidas que devem ser seguidas como detecção, comunicação, imobilização, deslocamento, planejamento e combate.

O combate a incêndios se inicia com um eficiente sistema de detecção e localização dos focos de incêndios, uma dos métodos mais utilizados é a construção de uma torre numa cota mais alta do que a implantação florestal, que possibilite os funcionários a visualizarem melhor o foco, desta forma, se comunicam com a equipe de combate mais rápido e com precisão.

Outras formas de detecção que vem sendo aplicada é a utilização de câmeras de 360° filmando a área 24 horas, drones e dentre outras variedades que possam ser utilizadas.

A locomoção dos brigadistas é um ponto muito importante pra que o combate possa ser realizado o quanto antes, desta maneira, a manutenção das estradas e aceiros devem ser mantidos sempre em boas condições.

A conscientização das pessoas é de suma importância, sendo necessária a transmissão de informações por meio de campanhas, palestras com especialistas, estimular as escolas de nível fundamental e médio através de visitas. Esse processo deve conter informações sobre o manejo do fogo, a legislação pertinente, quais são os órgão fiscalizadores e como é feito essa fiscalização, advertências e dentre outras.    

Uma das formas preventiva de incêndios é trabalhar com a silvicultura preventiva, observando a quantidade de material combustível, espaçamento entre árvores, tipo de árvores que compõem o povoamento florestal.

A redução de material combustível do sub-bosque evita a continuidade do fogo, porém, para usar o fogo com o intuito de diminuir esse material, precisa de um técnico para realizar um planejamento a fim de evitar que o fogo se propague.

Outro meio de evitar a propagação desse fogo é com a prática de construção de aceiros e sua manutenção no decorrer do tempo.

VEÍCULOS PIPAS
EPI’s
FERRAMENTAS DE COMBATE MANUAL
Açeiro em Serra

Sobre o autor | Website

Engenheiro Florestal graduado pela Universidade Federal do Tocantins, com ênfase em silvicultura e nutrição de plantas.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!