Veja o quão lucrativo é o mogno africano

Continue lendo esse artigo, basta arrastar a página para baixo

Veja o quão lucrativo é o mogno africano

A venda de mogno africano faz parte da lista de negócios lucrativos. Isso acontece pois essa é uma árvore que fornece uma madeira nobre, um material de muita qualidade e resistência, melhores que de uma madeira comum. Mesmo sendo um investimento a longo prazo (cerca de vinte anos para começar a dar retorno), a lucratividade do mogno africano realmente vale a pena.

Caso seja de seu interesse começar a investir nesse negócio lucrativo, é super relevante saber mais do quanto é possível ganhar plantando e vendendo o mogno africano. Também é importante saber o quanto de espaço você precisa ter para conseguir uma plantação de mogno africano, que proporcione um negócio realmente lucrativo.

Existe uma outra forma de conseguir executar esse negócio lucrativo sem, necessariamente, fazer o plantio do mogno africano e esperar cerca de 20 anos para começar a ter lucros. É possível ganhar dinheiro com mogno africano comprando de produtores e revendendo para outros compradores por um preço mais alto.

Descubra qual o nível de lucratividade do mogno africano no Brasil. | Foto: Grupo Selva Florestal

Fonte de retorno do mogno africano

A fonte de retorno do mogno africano funciona como qualquer tipo de negócio: depende. Mesmo sendo um ramo empresarial bastante lucrativo voltado para plantio e colheita de árvores, ainda assim é um negócio de compra e venda. É sempre importante considerar alguns aspectos que podem encarecer ou baratear o valor do mogno africano. 

Existem, de forma geral, três principais aspectos que são analisados para determinar o valor de um mogno africano e, consequentemente, a fonte de retorno nessa espécie de árvore: a qualidade da tora, o diâmetro que essa árvore tem e a distância em que o comprador está do fornecedor. 

Mesmo proporcionando uma série de cuidados para que essa árvore cresça saudável, existe possibilidade dela não apresentar uma qualidade muito boa quando já está adulta. Se, por exemplo, o cerne da árvore estiver furada, quebradiça ou se ela estiver sendo atacada por parasitas e outros animais, o preço final não será muito lucrativo. 

Uma outra característica que não é possível prever antes da árvore ser adulta é o quanto ela irá crescer. Mesmo existindo sistemas que medem o potencial de crescimento de uma planta, no final cada uma das mudas terá um diâmetro diferente. Quanto mais grossa for a tora da árvore, mais alto o preço dela. 

O comércio do mogno africano é uma prática que ultrapassa as fronteiras do país, assim, muita madeira brasileira é exportada para outros países. Essa é uma outra característica que influencia no preço final da tora da árvore, uma vez que é necessário lidar com correção monetária e outros aspectos que modificam o valor. 

Mesmo com todas essas variantes, o comércio do mogno africano ainda é muito lucrativo. De forma geral, o preço de uma tora dessa árvore custa algo em torno de 100 até 600 euros, convertendo para reais isso dá um total de 524 até 3.145 reais, um retorno excelente considerando que uma muda custa 4 reais. Entretanto, esse não é valor do lucro total, já que é necessário pagar vários impostos e outros gastos para manter a plantação. 

O investimento do mogno africano

A lucratividade do mogno africano é realmente divina se for considerado somente o custo da muda, que gira em torno dos 4 reais. Como já foi mencionado, o custo para uma plantação de mogno africano envolve impostos, funcionários, substâncias para cuidar da lavoura e outros diversos gastos, que devem ser calculados para que a rentabilidade tenha um valor mais seguro. 

Assim como a lucratividade, o valor de investimento também vai mudar de pessoa para pessoa. Em algumas regiões, por exemplo, se pagará mais pelo pedaço de terra, pelos serviços prestados e pelos produtos usados do que em outras. Dessa forma, as informações que virão a seguir são específicas do Grupo Selva Florestal, apenas com o intuito de dar um valor aproximado do que pode ser cobrado. 

Em 1 hectare, plantamos 1500 árvores (com espaçamento de 5×5 metros), completamente de forma manual, ou seja, sem o uso de tratores e com o tratamento adequado do solo antes do plantio. O custo para essa plantação foi:

Insumos: 

  • Mudas: 1.750 reais;
  • Calcário: 40 reais; 
  • Isca formiga: 50 reais; 
  • Formicida / Cupinicida: 40 reais;
  • Adubo: 524 reais; 
  • Total: 2.614 reais

Serviços: 

  • Óleo diesel: 350 reais;
  • Diária aplicação formicida / cupinicida: 280 reais;
  • Diária aplicação herbicida: 140 reais; 
  • Covas e aplicação do calcário: 490 reais;
  • Plantio: 140 reais;
  • Primeira adubação: 70 reais;
  • Segunda adubação: 70 reais;
  • Coroamento: 280 reais;
  • Cobertura: 70 reais;
  • Total: 1820 reais.

Total de tudo: R$ 4.434,00. 

Produção de mogno africano

Antes de tudo, é importante ter em mente que o mogno africano é uma árvore muito grande e grossa, por isso pode não ser possível plantar muitas árvores em um espaço pequeno. É necessário fazer as contas da área que você tem disponível e o quanto de árvore que cabe dentro desse lugar para tornar o negócio o mais lucrativo possível. 

Recomenda-se, então, um plantio de 1.111 (3x3m) a 1.667 (3x2m) mudas de mogno africano em um hectare, que corresponde a um espaço de 10.000 metros quadrados. Sendo necessário reservar mais ou menos 10 metros quadrados para cada uma das mudas.  A necessidade desta distância é importante pois cada árvore pode atingir até um metro cúbico de tora.

A produção total de mogno africano em um hectare de terras pode chegar a um total de 200 metros cúbicos somente de árvores. Como cada uma delas pode ser vendida de a um total de 100 a 600 euros, cada hectare de terra oferece a possibilidade de adquirir R$ 100.000,00 a R$ 600.000,00 reais, ou seja, esse é um negócio extremamente lucrativo.

O mogno africano faz parte da lista de madeiras nobres. A diferença da madeira dessa árvore para as comuns é a qualidade, a resistência e a beleza. Esse tipo de madeira é usada para a fabricação de móveis de luxo, para a construção civil e até para fabricação de instrumentos musicais. É exatamente por causa dessas características tão especiais que essas árvores demoram tanto para se desenvolver e custam tão caro e lucrativo.

É relevante considerar que o mogno africano atinge sua maturação biológica, ou seja, já está com o cerne maduro, entre o décimo terceiro e o décimo quinto ano de plantio. Mesmo que seja somente entre o décimo oitavo e o vigésimo ano que essa a árvore está realmente pronta para ser cortada, é interessante fazer uma poda esporádica para garantir o desenvolvimento máximo dessas plantas. 

As podas esporádicas também são boas para começar a ver a lucratividade do mogno africano antes da árvore estar realmente madura e em seu ápice de crescimento. O primeiro momento de poda é durante o décimo ano da planta, em que são retiradas metade das árvores plantadas no local para que o restante possa se desenvolver de maneira plena, sem a competição direta pelos nutrientes. 

A madeira retirada não fica mal-aproveitada: é possível vendê-la no mercado por um preço um pouco inferior ao da madeira madura, de máxima qualidade. Se o mogno adulto fosse vendido a 100 euros, por exemplo, o da poda de 10 anos seria vendido por algo em torno dos 70 a 80 euros, dependendo do seu nível de desenvolvimento. Com essa ação, as árvores restantes poderão chegar até 100 m³, fazendo com que a plantação possa cobrir um total de 300 m³.

É importante lembrar que esses dados e esses valores correspondem a informações referentes a um momento específico, portanto, eles estão sujeitos a mudarem, e se adaptam conforme a passagem do tempo. Se você quiser investir no cultivo do mogno africano, é legal saber que daqui 20 anos esses valores provavelmente serão diferentes, podendo aumentar.

Rentabilidade do mogno africano: diferença entre o Mogno Africano e o Mogno Brasileiro

O mogno africano possui características bem próximas do mogno brasileiro. Ambas as espécies possuem uma madeira extremamente resistente e de qualidade, que serve para as mais variadas construções civis, para a fabricação de móveis e de instrumentos musicais e para ornamentação. 

Em termos de rentabilidade, o brasileiro seria um pouco mais interessante, uma vez que 1 m³ dele pode chegar até 3 mil euros no mercado internacional, porém o mogno brasileiro foi tão explorado que entrou em extinção, não podendo mais ser comercializado em território nacional.

Para saber mais sobre a lucratividade do mogno africano, conheça o Grupo Selva Florestal, uma empresa focada na venda de sementes e mudas e que também presta consultoria para pessoas que querem otimizar a qualidade de suas plantações.

Matérias relacionadas

Acompanhe todas as máterias

Crédito de Carbono e a Sua Importância Para o Futuro

2024-05-18 11:00:00

Gestão Ambiental: Descubra O Que é e qual a sua Importância

2024-05-14 11:00:00

Sustentabilidade corporativa e mogno africano: Estratégias para gestão ambiental efetiva

2024-05-11 07:25:00

Mogno africano e a eficiência da gestão ambiental: Práticas para redução de carbono

2024-05-07 07:25:00

Gestão Ambiental: O Papel do Mogno Africano na Sustentabilidade

2024-05-04 07:25:00

Reflorestamento Inteligente: Como o Mogno Africano Contribui para o Meio Ambiente

2024-05-01 10:27:00

Ultimas notícias da Selva

Especialistas em Mogno Africano

Crédito de Carbono e a Sua Importância Para o Futuro

2024-05-18 11:00:00

Gestão Ambiental: Descubra O Que é e qual a sua Importância

2024-05-14 11:00:00

Sustentabilidade corporativa e mogno africano: Estratégias para gestão ambiental efetiva

2024-05-11 07:25:00

Mogno africano e a eficiência da gestão ambiental: Práticas para redução de carbono

2024-05-07 07:25:00

Gestão Ambiental: O Papel do Mogno Africano na Sustentabilidade

2024-05-04 07:25:00

Reflorestamento Inteligente: Como o Mogno Africano Contribui para o Meio Ambiente

2024-05-01 10:27:00