O mogno africano se destaca no desenvolvimento em Goiás, produtividade e resistência à seca.

Continue lendo esse artigo, basta arrastar a página para baixo

O mogno africano se destaca no desenvolvimento em Goiás, produtividade e resistência à seca.

O povoamento florestal foi constituído com a espécie Khaya senegalensis com a idade de 7 anos, visto que, foi a melhor que se desenvolveu na região norte de Goiás por não necessitar de irrigação nos meses de seca.

O espaçamento utilizado foi de 6 m entre linhas e 4 m entre plantas acompanhando as curvas de nível do solo.

O plantio se localiza no município de Carmo do Rio Verde – GO e esse ano a floresta irá acontecer o seu primeiro desbaste, atividade que empenhará uma certa dificuldade devido as árvores ser retilíneas e bem desenvolvidas.

Confira logo a baixo o vídeo demonstrando essa floresta.

Matérias relacionadas

Acompanhe todas as máterias

Crédito de Carbono e a Sua Importância Para o Futuro

2024-05-18 11:00:00

Gestão Ambiental: Descubra O Que é e qual a sua Importância

2024-05-14 11:00:00

Sustentabilidade corporativa e mogno africano: Estratégias para gestão ambiental efetiva

2024-05-11 07:25:00

Mogno africano e a eficiência da gestão ambiental: Práticas para redução de carbono

2024-05-07 07:25:00

Gestão Ambiental: O Papel do Mogno Africano na Sustentabilidade

2024-05-04 07:25:00

Reflorestamento Inteligente: Como o Mogno Africano Contribui para o Meio Ambiente

2024-05-01 10:27:00

Ultimas notícias da Selva

Especialistas em Mogno Africano

Crédito de Carbono e a Sua Importância Para o Futuro

2024-05-18 11:00:00

Gestão Ambiental: Descubra O Que é e qual a sua Importância

2024-05-14 11:00:00

Sustentabilidade corporativa e mogno africano: Estratégias para gestão ambiental efetiva

2024-05-11 07:25:00

Mogno africano e a eficiência da gestão ambiental: Práticas para redução de carbono

2024-05-07 07:25:00

Gestão Ambiental: O Papel do Mogno Africano na Sustentabilidade

2024-05-04 07:25:00

Reflorestamento Inteligente: Como o Mogno Africano Contribui para o Meio Ambiente

2024-05-01 10:27:00