Saiba como proteger o mogno do clima frio e geada

Continue lendo esse artigo, basta arrastar a página para baixo

Saiba como proteger o mogno do clima frio e geada

Se você é um amante de árvores e jardins, com certeza já ouviu falar do majestoso mogno africano. Com sua madeira nobre e imponente, essa árvore é uma das mais cobiçadas do mundo. Mas você sabia que o mogno também é muito sensível ao frio e geada? Isso mesmo, essas condições climáticas podem prejudicar seriamente o desenvolvimento dessa espécie tão valiosa.

A grande realidade é que plantas tropicais, tanto originárias do Brasil, quanto de outros territórios, tendem a ser castigadas pelo frio e pela geada, fenômenos que costumam ser raros em grande parte do solo brasileiro e nas regiões tropicais como um todo. Apesar disso, com as evidentes mudanças climáticas e o aquecimento global, esses efeitos climáticos desregulados têm se feito presentes, trazendo altas e baixas temperaturas para áreas que anteriormente não possuíam essas características tão acentuadas. Desse modo, confira algumas dicas de como proteger o mogno africano da geada. 

Assim como qualquer outro ser vivo, as plantas também possuem uma temperatura ideal para seu cultivo e desenvolvimento, fato é que com as mudanças climáticas é cada vez mais comum presenciar danificações em plantas e afins pelo frio e pelo congelamento promovido pelas geadas. Fato é que assim como nós, humanos, as plantas também precisam de proteção contra o frio, e que principalmente possa impedir os efeitos de uma geada. Para garantir o desenvolvimento das espécies de mogno é bastante simples, basta seguir as dicas abaixo:

Como cuidar do mogno africano em tempo frio e geada? | Foto: Canva.com

Cubra as mudas de mogno

Cobrir as plantas com TNT pode ser uma ótima opção, mas também a utilização de plásticos em alguns casos é também válida. A utilização desses materiais auxilia na manutenção de uma temperatura um pouco mais elevada e atua diretamente no controle contra os efeitos de geada. Apesar disso, é bastante importante que seja disponibilizado um espaço para que as plantas possam respirar, por isso é importante que o material não encoste diretamente nas folhas das plantas, uma vez que o sufocamento da planta pode causar danos irreversíveis. Portanto, deixe um espaço entre o material e as folhas da planta. 

Além disso, algumas outras dicas para ajudá-lo a proteger suas mudas de mogno são:

  1. Cobrir as mudas antes da geada: Uma das principais formas de proteger suas mudas é cobri-las antes da geada acontecer. Isso significa que você deve ficar atento às previsões meteorológicas e cobrir as mudas antes que o frio chegue. Dessa forma, você evita que as mudas sofram danos causados pelo frio intenso.
  2. Retirar a cobertura no período da manhã: Para garantir que as mudas de mogno recebam luz solar e ar fresco, é importante retirar a cobertura no período da manhã. Dessa forma, você permite que as mudas respirem e recebam a luz do sol que é fundamental para o seu crescimento saudável.

Cobrir as mudas de mogno é uma forma eficiente de protegê-las do clima frio e da geada. Com as dicas acima, você pode garantir que suas mudas cresçam fortes e saudáveis, e assim, contribuir para a preservação dessa espécie tão valiosa.

 

Regue as mudas de mogno, mas com cuidado

Nessa época do ano, as plantas tendem a necessitar de menos água já que a velocidade na qual ela evapora, irá diminuir uma vez que as temperaturas estão mais amenas. Fato é que regar as plantas de maneira incorreta pode acabar sendo um verdadeiro tiro no pé. Por isso, é importante evitar regar e de qualquer maneira evitar molhar as folhas, já que com a ação das geadas elas facilmente queimariam.  

A seguir, confira algumas dicas para regar suas mudas de mogno com cuidado:

  1. Verifique a umidade do solo: Antes de regar suas mudas de mogno, é importante verificar a umidade do solo. Para isso, você pode inserir o dedo na terra e sentir se está úmida ou seca. Se estiver úmida, não é necessário regar. Espere até que a terra esteja mais seca antes de regar novamente.
  2. Regue com moderação: As mudas de mogno precisam de água, mas é importante não exagerar na quantidade. Regue com moderação, evitando encharcar a terra. A água em excesso pode apodrecer as raízes e prejudicar o desenvolvimento da planta.
  3. Use um regador de bico fino: Para regar suas mudas de mogno com precisão, é recomendável usar um regador de bico fino. Esse tipo de regador permite que você direcione a água para a base da planta, evitando molhar as folhas e diminuindo o risco de doenças.
  4. Regue no início da manhã ou no fim da tarde: O momento ideal para regar as mudas de mogno é no início da manhã ou no fim da tarde. Nesses horários, a temperatura é mais amena e a água tem mais chances de ser absorvida pela planta, evitando a evaporação excessiva.
  5. Evite regar nos dias frios: Nos dias frios, é importante evitar regar as mudas de mogno. A água em excesso pode congelar e prejudicar a planta. Se possível, regue apenas nos dias mais quentes.

Caso exista mobilidade para tal, leve as mudas de mogno para áreas cobertas

Em áreas cobertas e fechadas, o controle das condições dos ambientes é feito de maneira muito mais favorável ao cultivo da espécie, garantindo maior sobrevida e velocidade no desenvolvimento de tal. Portanto, ambientes quentes são ideais para protegê-las do frio, com isso você deve apenas se atentar ao excesso de calor e em relação a questão da luminosidade. Desse modo, prefira deixar as suas mudas próximas a janelas ou locais com uma boa iluminação. 

Confira algumas dicas sobre como fazer isso:

  1. Verifique as condições climáticas: Antes de levar as mudas de mogno para áreas cobertas, é importante verificar as condições climáticas. Se estiver chovendo ou com risco de geada, é recomendável que as mudas sejam protegidas.
  2. Escolha uma área coberta e protegida: Para proteger suas mudas de mogno, é importante escolher uma área coberta e protegida. Pode ser uma varanda, um galpão ou até mesmo uma garagem. O importante é que a área ofereça proteção contra a chuva, vento e frio.
  3. Transporte as mudas com cuidado: Ao levar as mudas de mogno para áreas cobertas, é importante transportá-las com cuidado. Use um carrinho ou transporte manualmente, evitando sacudir ou machucar as plantas.
  4. Acomode as mudas em local seguro: Ao chegar à área coberta, acomode as mudas em um local seguro e protegido. Verifique se não há goteiras ou correntes de ar que possam prejudicar as plantas.
  5. Monitore as mudas: Depois de levar as mudas de mogno para áreas cobertas, é importante monitorá-las regularmente. Verifique se as condições estão adequadas e se as plantas estão se desenvolvendo bem. Se necessário, faça ajustes e providencie mais cuidados.

Invista em adubos de qualidade

A resistência ao frio e as geadas têm muito a ver também com as condições e estruturas das plantas, já que plantas com estruturas mais robustas e mais desenvolvidas tendem a sofrer menos. Por isso, os adubos devem ser citados, já que atuam diretamente na fortificação e no desenvolvimento das plantas. Para que as plantas possam resistir a baixas temperaturas, os adubos devem ter alta concentração de fósforo e potássio com baixa presença de nitrogênio. Raspas de madeira e sacos de farinha são ótimos adubos que possuem tais características citadas, para isso a sua utilização poderá se dar no final do outono, com o início do inverno. 

Entender quais são as necessidades de cada espécie que você está cultivando

No caso do cultivo de mogno africano é bastante importante que você conheça as particularidades que a própria planta traz. Por isso, separamos alguns pontos principais que você deve se atentar.

Para o cultivo do mogno em condições ideais, é esperado que locais que possuam índices pluviométricos acima de 1200 milímetros anuais, desde que sejam bem distribuídos sem muita disparidade, não necessitem de uma irrigação complementar. Caso seja menor que os 1200 milímetros anuais, e, ou seja, mal distribuída durante o ano, é muito provável que haja necessidade de uma irrigação complementar, e isso deve ser analisado já que representa um custo a mais e que será recorrente, para compensar os períodos de seca.

Apesar disso, durante tal período do ano é possível que a demanda por água diminua justamente por conta da menor velocidade de evaporação devido às baixas temperaturas. 

Além da irrigação, um outro fator bastante importante é a qualidade das mudas e sementes que foram plantadas, já que as que apresentam maior qualidade tendem a ter melhor facilidade e resistência a climas um tanto quanto adversos. Por isso, é bastante importante que você conheça o local de onde você compra as suas sementes e mudas, e analisar a qualidade delas através das certificações e diversas outras formas existentes de comprovar a qualidade de tal produto. 

Outro ponto a ser ressaltado é que o cultivo de mogno africano no Brasil costuma necessitar de pequenas adaptações nos solos, e principalmente na questão da disponibilidade de nutrientes. Em um clima adverso, é bastante comum que exista também uma desregulação na disponibilidade desses nutrientes, e por isso é bastante importante se atentar para a saúde dos solos e a disponibilidade de nutrientes. Para isso, como já foi citado, podem ser utilizados adubos com baixa presença de nitrogênio e abundância de fósforo e potássio. 

Protetor solar

O protetor solar é indicado tanto para ser utilizado em áreas que apresentam alta insolação como áreas que ocorrem geadas, dessa forma evita que as plantas sofra mais severamente com a ocorrências desses intempéries.

E lembrando aqui que nenhuma das 4 espécies mais comercializadas de mogno africano se adapta a geadas muito severas. Com essas dicas elas conseguem passar por algumas geadas, mas se sua região tiver em lugares que a geada é muito forte eu recomendo não plantar mogno africano.

Agora que você conhece a complicada relação entre mogno africano e geada é mais fácil que você consiga prosperar com o cultivo do mogno mesmo que as condições climáticas não estejam as mais favoráveis. Apesar disso, seguindo essas dicas você já terá uma grande chance de evitar perdas significativas no cultivo durante esse período. Além disso, a qualidade das sementes e mudas influenciará na resistência a tais condições. 

Sob essa ótica, é muito importante que você encontre um fornecedor de mudas ou sementes que preze pela qualidade e por um serviço sério, sempre trabalhando com espécies certificadas, já que é muito comum a falsificação de sementes. Portanto, se você busca mudas e sementes de plantas de qualidade, o Grupo Selva Florestal, possui as melhores opções disponíveis do mercado e com certificação das espécies. Para saber mais, acesse o site e confira tudo o que temos a oferecer.

Matérias relacionadas

Acompanhe todas as máterias

Mogno africano: Entenda quais são as vantagens competitivas que justificam a importação do mogno africano em solo brasileiro

2024-02-28 08:00:00

Créditos de carbono: Conheça as principais tendências do mercado dessa área

2024-02-27 17:33:35

Mogno e Economia Circular: Entenda mais do assunto e saiba como otimizar sua produção de maneira sustentável

2024-02-24 08:00:00

Reflorestamento: Veja um guia prático de como investir nessa área

2024-02-22 15:39:18

Madeiras nobres: Saiba sua principais características e como identificar

2024-02-20 17:03:28

Mogno: Conheças a melhores espécies dessa árvore para investir em solo brasileiro

2024-02-18 08:00:00

Ultimas notícias da Selva

Especialistas em Mogno Africano

Mogno africano: Entenda quais são as vantagens competitivas que justificam a importação do mogno africano em solo brasileiro

2024-02-28 08:00:00

Créditos de carbono: Conheça as principais tendências do mercado dessa área

2024-02-27 17:33:35

Mogno e Economia Circular: Entenda mais do assunto e saiba como otimizar sua produção de maneira sustentável

2024-02-24 08:00:00

Reflorestamento: Veja um guia prático de como investir nessa área

2024-02-22 15:39:18

Madeiras nobres: Saiba sua principais características e como identificar

2024-02-20 17:03:28

Mogno: Conheças a melhores espécies dessa árvore para investir em solo brasileiro

2024-02-18 08:00:00