Saiba quais são as condições climáticas ideais para o plantio de mogno

O mogno africano é uma espécie arbórea, nativa do continente africano, com boa qualidade de madeira, muito utilizada na confecção de móveis, na indústria naval, na construção de portas e portais etc. Mas, para cultivá-la, é preciso saber como fazer isso, inclusive se existe um volume de chuva ideal indicado para a árvore. 

Devido ao alto retorno financeiro e excelente rentabilidade, o mogno africano é uma das madeiras mais preciosas plantadas no Brasil. Cada hectare de mogno africano aumenta em média 21,89 metros cúbicos de madeira em tora por ano.

Com tons entre rosa e marrom avermelhado, a árvore pode ser utilizada em móveis, decoração, construção civil e naval, entre outros.

Ficou interessado? Entenda neste artigo quais são as condições climáticas ideais para o plantio do mogno africano, qual área propícia para plantio e se o volume de chuva realmente influencia no plantio do mogno africano. Confira!

O mogno africano tem um volume de chuva ideal. | Foto: Grupo Selva Florestal

As condições climáticas ideais para o plantio de mogno

Por se adaptar facilmente a climas semelhantes ao do Brasil e ao seu lugar de origem, o mogno africano é uma das espécies nobres que cresce mais rápido do que as outras espécies. A sua idade de maturação é entre os 13 e os 15 anos, o que significa que é nessa idade que se encontra a parte central da árvore – também chamada de núcleo – formada, cerne.

No entanto, o mogno africano ganhou popularidade nos últimos anos devido à sua alta rentabilidade.

De acordo com uma pesquisa publicada pela Embrapa, o clima propício para o plantio e cultivo do mogno africano é em zonas subtropicais e em florestas úmidas. Contudo, os climas ideais para seu crescimento são os tropicais úmidos e quentes. 

Porém, esses não são os únicos fatores que fazem o mogno africano se desenvolver e crescer, deve-se ficar atento à temperatura do ambiente. O mogno africano possui um bom crescimento entre 18°C e 43°C e, mesmo assim, a temperatura ideal para seu plantio é de 27,5°C.

De acordo com os estudos da Embrapa, é comprovado que o mogno africano possui uma excelente adaptação ao território brasileiro devido sua tolerância às grandes variações climáticas existente no país, menos na região sul, que devido à predisposição de geadas, pode causar danos na fase inicial de desenvolvimento do mogno africano.

Por ser uma espécie distribuída em áreas de savana tropical, essa planta é mais tolerante à seca de longo prazo, mas esse fator deve estar relacionado ao índice de seca do solo, ou seja, as condições extremas de seca de longa duração podem se tornar um fator limitante.

No entanto, a seca também promove o processo de acidificação, que leva ao amadurecimento biológico precoce. 

O mogno africano não apresenta resistência a geadas severas, o que é um fator limitante. Portanto, não é recomendável plantar em áreas de clima muito frio, pois a baixa temperatura afeta principalmente o metabolismo das plantas no processo de transpiração, afeta diretamente o crescimento e, em seguida, afeta a produtividade da floresta, quanto maior a altitude, menor a temperatura.

Como saber se a área está apta para plantar Mogno Africano?

Mas, antes de você realizar o plantio do mogno africano, deve se atentar ao nível de desenvolvimento combinado com alguns fatores.

Plantar mogno africano para fins comerciais requer cuidados para obter o máximo do potencial produtivo que ele pode ter. 

Para saber se a área escolhida para plantar o mogno africano é boa ou se aquela área apresenta limitações para seu desenvolvimento, é imprescindível analisar o nível de desenvolvimento do local, observando se é primitivo, pouco desenvolvido e/ou desenvolvido, combinando com os seguintes fatores:

  • Fertilidade do solo;
  • Profundidade;
  • Água;
  • Oxigênio;
  • Erodibilidade;
  • Clima;
  • Declive;
  • Mecanização.

Essas características são muito importantes pois determinam se a área é boa para o plantio do mogno africano. 

Qual o clima ideal para plantar mogno africano?

O clima influencia diretamente em vários aspectos do planeta terra. O crescimento das plantas com certeza é um deles.

Existem aquelas que se dão melhor no frio e as que se desenvolvem mais no calor. Isso não são os agricultores que resolvem, são características próprias que precisam ser respeitadas na hora do cultivo.

Assim como as outras, o mogno africano é uma árvore que possui um clima e um local ideal para ser plantado. Saber/entender isso é essencial para ter um plantio saudável e conseguir bons lucros com o tipo. 

Como já dito anteriormente, o mogno africano cresce bem em solos terrosos, de preferência em climas tropicais úmidos, mas também pode se adaptar bem a climas subtropicais.

A fertilização deve ser baseada na análise do solo. Essa espécie responde muito bem à fertilização orgânica. Portanto, se houver adubo ou composto orgânico disponível, aplique 20 litros na cova de plantio. 

É importante que o esterco esteja bem curtido, caso contrário pode ser prejudicial. A taxa de crescimento das plantas fertilizadas com esterco aumentou 50% no primeiro ano.

O volume de chuva influencia no desenvolvimento do mogno?

Existem diversas vantagens em plantar o mogno africano, mas, assim como qualquer outra árvore importante, não existe simplesmente plantar em qualquer lugar e sob quaisquer condições.

O mogno africano pode trazer muitos benefícios, mas, para isso, é preciso saber cuidá-lo e entender tudo o que envolve seu plantio. Seja o lugar ideal ou o volume de chuva indicado, inclusive essas duas coisas estão relacionadas.

É possível dizer que a chuva é praticamente a responsável por manter o mundo funcionando. Existem muitas ações que dependem da chuva e muitas outras coisas que dependem dessas ações.

O crescimento do mogno africano com certeza está relacionado ao volume de chuva ideal para ele.

Agora que você já sabe a importância de prestar atenção no volume de chuva, se você se interessou em iniciar um plantio de mogno africano, busque regiões que tenham entre 1.600 e 2.000mm/ano de chuva. É importante se atentar a cada detalhe quando se decide iniciar o plantio do mogno africano, para que você tenha a maior rentabilidade que a madeira pode te oferecer. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.