Investir em mogno: Saiba se vale a pena

Continue lendo esse artigo, basta arrastar a página para baixo

Investir em mogno: Saiba se vale a pena

O fato de o Brasil ser um verdadeiro paraíso natural, não é novidade para ninguém. Incontáveis espécies de animais e vegetais fazem parte deste rico ecossistema e algumas árvores em particular, por exemplo, possuem um valor muito maior do que o aparente. O Pau Brasil, é um dos mais valiosos recursos naturais do País desde seu descobrimento, que mantém seu status até os dias atuais. Mas você já ouviu falar em investir em mogno africano e as vantagens disso?

Conheça o mogno africano e saiba as vantagens de plantar mogno. | Foto: Grupo Selva Florestal

Com diversas finalidades, como a produção de belos móveis e instrumentos musicais, a madeira do mogno africano é considerada nobre e possui um valor altamente elevado no mercado. Cada vez mais, plantar mogno tem se tornado uma atividade extremamente lucrativa, servindo como uma garantia de aposentadoria para muitos agricultores ao redor do Brasil.

Antes de se plantar mogno, é importante conhecer suas características e particularidades, sabendo como agir e trabalhar com sua plantação ao longo dos anos. Propiciando assim um melhor desenvolvimento desta espécie tão nobre de árvore e potencializando os lucros de se plantar mogno ao máximo.

Podendo se adaptar tanto em solos mais argilosos e com maior incidência de chuvas, quanto em solos mais arenosos, com menor incidência de chuvas, as árvores de mogno africano possuem um período de corte muito variável, pois, ao longo de seu período de crescimento, uma plantação de mogno pode servir para diferentes finalidades.

Em casos de plantios mais adensados, com oito anos, 25% da população da floresta podem ser destinados a madeiras de tratamento roliço, como postes e, em torno de 5% dos troncos retirados neste momento do crescimento do mogno, são fornecidos para serrarias.

Alguns anos depois, por volta dos 12 anos, a madeira desta espécie pode ser utilizada para os usos mais nobres. Caso a floresta de mogno seja plantada com maiores espaçamentos, este corte final pode ultrapassar os quinze anos, chegando até os 18 anos entre o período em que a muda foi plantada, para quando já está pronta o suficiente para ser totalmente aproveitada.

Para introduzir o assunto “dinheiro e lucro”, quanto ao ato de plantar mogno, ao longo de todo esse processo de vários cortes, para diferentes objetivos, durante o tempo de crescimento da árvore de mogno africano, a renda bruta gerada por um hectare desta nobre espécie ao final deste período pode ultrapassar os R$ 450.000.

Diante disso, entenda se a plantação de mogno africano é, de fato, um investimento lucrativo. Além do mais, saiba mais sobre o plantio e quais são os possíveis rendimentos.

Investir em mogno: É lucrativo?

Tendo seu tronco caracterizado por um belo tom rosado e castanho-avermelhado, o mogno africano possui muitas utilidades. Sua madeira de altíssima qualidade é ideal para a indústria moveleira, isto é, a fabricação de instrumentos musicais, construção civil e naval, entre tantas outras possibilidades para esta madeira nobre de tanto valor.

O caráter especial do mogno africano não está apenas nas infinitas possibilidades que sua madeira oferece para as mais diferentes áreas, pois esta espécie de árvore está entre as mais valiosas do planeta e, para a sorte do agricultor brasileiro, ela se adapta muito bem ao clima e ao solo de boa parte do País, tornando o Brasil, a principal nação produtora de mogno africano.

Chegando às terras brasileiras na década de 70, mas se difundindo entre as décadas de 80 e 90, por conta de um plantio experimental da Embrapa em vários cantos do País, a nova espécie rapidamente se tornou comum em território tupiniquim. Com isso, cada vez mais se torna a opção para muitos agricultores que buscam, quase que literalmente, “cultivar dinheiro”, ao escolherem plantar mogno africano.

Outro ponto favorável para quem opta por plantar mogno africano é o fato de que a resistência desta árvore contra possíveis pragas, torna-a muito mais segura do que outras espécies, como o mogno brasileiro. Dessa maneira, um exemplo disso são as mariposas broca das ponteiras e a lagarta broca-do-mogno, as quais são grandes inimigas do mogno brasileiro e as quais dificultam seu cultivo para a comercialização.

Mesmo tratando-se de uma espécie de árvore que o corte final é possível a partir dos 15 anos em média, o retorno financeiro, ao se plantar mogno africano, compensa todo este tempo de espera, uma vez que o metro cúbico desta espécie pode chegar até R$2,5 mil, tendo uma rentabilidade garantida para quem busca um lucro elevado a longo prazo.

A título de curiosidade, para entender melhor o quão lucrativo pode ser investir em plantação de mogno em um único sítio, no qual são plantadas pouco mais de duas mil árvores de mogno africano, estas árvores podem render até dois milhões e meio de reais.

Indo mais a fundo em relação aos custos e aos ganhos de se plantar mogno, em média, uma muda da espécie é comercializada a R$ 6. Levando em consideração um espaço de um hectare, cerca de 500 mudas do mogno africano podem ser plantadas, sendo que o rendimento líquido de um hectare da espécie por ano pode chegar até R$ 30.000.

Investir em Mogno: Como Começar

Investir em mogno, uma das madeiras nobres mais valiosas do Brasil, pode ser uma excelente opção para quem busca retornos financeiros sustentáveis e contribuição para a conservação ambiental. No entanto, é um empreendimento que requer planejamento e conhecimento prévio.

  • Pesquisa e Planejamento: Antes de tudo, é essencial realizar uma pesquisa detalhada sobre o cultivo do mogno e as condições específicas do local onde deseja plantar. O mogno é uma espécie de crescimento lento, mas com alta demanda no mercado, o que pode resultar em lucros significativos a longo prazo.
  • Escolha das Mudas: A escolha das mudas é crucial para o sucesso do investimento. Certifique-se de adquirir mudas de fornecedores confiáveis e que tenham certificação de qualidade genética. O plantio de mudas saudáveis é o primeiro passo para garantir o desenvolvimento adequado das árvores.
  • Preparo do Solo: O solo precisa ser bem preparado para receber as mudas. Uma análise de solo pode indicar os nutrientes necessários e possíveis correções. O mogno se desenvolve melhor em solos ricos em matéria orgânica e com boa drenagem.
  • Manejo Adequado: O manejo correto é essencial para o desenvolvimento saudável das árvores. Isso inclui o controle de pragas e doenças, a adubação adequada e a poda quando necessário. O acompanhamento constante é fundamental para garantir que as árvores cresçam de maneira vigorosa.
  • Tempo e Paciência: O cultivo de mogno é um investimento a longo prazo, pois a madeira atinge seu valor máximo após algumas décadas. Paciência é fundamental, pois os retornos financeiros podem levar tempo para serem obtidos.
  • Parcerias e Consultoria: Buscar parcerias com especialistas em cultivo de mogno e consultorias pode ser uma excelente maneira de adquirir conhecimento técnico e obter orientações específicas para o seu projeto.
  • Aspectos Legais: Certifique-se de estar ciente das regulamentações e legislações ambientais e de propriedade que se aplicam ao cultivo de mogno em sua região.

Investir em mogno não apenas oferece a possibilidade de retornos financeiros, mas também contribui para a promoção da economia verde e da conservação ambiental. No entanto, é importante lembrar que esse tipo de investimento requer cuidados constantes e uma abordagem sustentável para garantir o sucesso a longo prazo.

Investir em Mogno: Qual a Importância de Cultivar uma Economia Verde

Investir em mogno não é apenas uma oportunidade de negócio lucrativa, mas também uma forma de contribuir para a construção de uma economia verde e sustentável. A economia verde se baseia em práticas que buscam equilibrar o crescimento econômico com a preservação dos recursos naturais e a promoção do bem-estar social.

Ao optar pelo cultivo de mogno e outras atividades sustentáveis, você está desempenhando um papel crucial na construção de um futuro mais equitativo e saudável para o planeta e as futuras gerações.

  • Conservação Ambiental: O mogno pode ser uma escolha estratégica para o cultivo, uma vez que, ao investir nessa cultura, você está contribuindo para a conservação da biodiversidade e dos ecossistemas naturais. O manejo sustentável do mogno ajuda a evitar o desmatamento e a degradação das florestas, o que é essencial para a mitigação das mudanças climáticas.
  • Geração de Empregos e Renda: O cultivo de mogno não apenas gera empregos diretos, como os relacionados ao plantio, manutenção e colheita, mas também impulsiona atividades econômicas em comunidades locais. Isso contribui para o desenvolvimento social e econômico de regiões onde a plantação é realizada.
  • Valorização do Produto Sustentável: A crescente conscientização ambiental e a busca por produtos sustentáveis aumentam a demanda por madeiras nobres como o mogno. Investir nesse mercado pode resultar em retornos financeiros atrativos, uma vez que os consumidores estão dispostos a pagar mais por produtos que são produzidos de forma responsável.
  • Fortalecimento da Imagem Empresarial: Empresas que adotam práticas de economia verde são percebidas como comprometidas com a sustentabilidade e a responsabilidade ambiental. Isso pode aumentar a reputação da empresa e atrair investidores e consumidores conscientes.
  • Mitigação das Mudanças Climáticas: O cultivo de árvores, como o mogno, contribui para a captura de dióxido de carbono da atmosfera, ajudando na mitigação das mudanças climáticas. Além disso, ao optar por uma atividade sustentável, você está reduzindo a pegada de carbono associada a práticas destrutivas.
  • Legado para as Futuras Gerações: Ao investir em mogno, você está deixando um legado positivo para as gerações futuras. As árvores que você planta hoje continuarão a crescer e a beneficiar o meio ambiente e as comunidades no futuro.
  • Investir em mogno é muito mais do que uma estratégia de negócios – é um compromisso com a sustentabilidade, a conservação e a criação de um mundo melhor. Ao escolher essa rota, você está contribuindo para a transformação da economia em direção a práticas mais responsáveis e conscientes.

Em suma, caso você esteja interessado em fazer um belo pé de meia ou está pensando em elevar seu patrimônio, garantindo uma aposentadoria, muito bem merecida, plantar mogno pode ser a grande solução para realizar os seus desejos e aspirações no ramo da agricultura. E, com os devidos cuidados e paciência, investir mogno africano poderá ser o seu motivo de estabilidade financeira para os anos que estão por vir. Para saber mais sobre o plantio de mogno e as vantagens da plantação, acesse o site da Selva Florestal e tire suas dúvidas.

Matérias relacionadas

Acompanhe todas as máterias

Crédito de Carbono e a Sua Importância Para o Futuro

2024-05-18 11:00:00

Gestão Ambiental: Descubra O Que é e qual a sua Importância

2024-05-14 11:00:00

Sustentabilidade corporativa e mogno africano: Estratégias para gestão ambiental efetiva

2024-05-11 07:25:00

Mogno africano e a eficiência da gestão ambiental: Práticas para redução de carbono

2024-05-07 07:25:00

Gestão Ambiental: O Papel do Mogno Africano na Sustentabilidade

2024-05-04 07:25:00

Reflorestamento Inteligente: Como o Mogno Africano Contribui para o Meio Ambiente

2024-05-01 10:27:00

Ultimas notícias da Selva

Especialistas em Mogno Africano

Crédito de Carbono e a Sua Importância Para o Futuro

2024-05-18 11:00:00

Gestão Ambiental: Descubra O Que é e qual a sua Importância

2024-05-14 11:00:00

Sustentabilidade corporativa e mogno africano: Estratégias para gestão ambiental efetiva

2024-05-11 07:25:00

Mogno africano e a eficiência da gestão ambiental: Práticas para redução de carbono

2024-05-07 07:25:00

Gestão Ambiental: O Papel do Mogno Africano na Sustentabilidade

2024-05-04 07:25:00

Reflorestamento Inteligente: Como o Mogno Africano Contribui para o Meio Ambiente

2024-05-01 10:27:00